UFC Combate: Globo exibe luta José Aldo x Ricardo Lamas, hoje 1º de fevereiro de 2014

Veja ainda disputa na categoria até 61 kg entre Urijah Faber e Renan Barão

Duas lutas prometem estremecer as categorias galo e pena no mundo do MMA, e a Globo leva ambas até você na madrugada de sábado, dia 1º de fevereiro, para domingo, quando acontece, no Prudential Center, em Newark (EUA), o UFC 169.

O brasileiro José Aldo e o americano Ricardo Lamas lutam neste sábado, dia 1, e a Globo exibe (Foto: Getty Images)
O brasileiro José Aldo e o americano Ricardo Lamas lutam neste sábado, dia 1º, e a Globo exibe
(Fotos: Getty Images)

No evento principal tem a disputa na categoria até 61 kg entre Urijah Faber e Renan Barão, que defende o título de peso-galo, mas o destaque da noite vai mesmo para mais uma defesa de título entre o brasileiro José Aldo e o americano Ricardo Lamas, na divisão até 66 kg (peso-pena).

A exibição, com pelo menos 30 minutos de atraso em relação ao evento, nos EUA, fica sob o comando de Cleber Machado e conta com comentários de Junior Cigano. O UFC Combate vai ao ar pela Globo logo após o Flash Big Brother Brasil.

Anderson Silva posta foto em família e agradece apoio dos fãs

Link permanente da imagem incorporada

A foto foi postada na noite da última quarta-feira (01) no perfil do lutador no Instagram. Na luta do último sábado, Anderson perdeu para o americano Chris Weidman após um golpe onde acabou sofrendo uma grave fratura. O ex-campeão do UFC foi operado e passou dois dias no University Medical Center Hospital, em Las Vegas. Na terça-feira, o lutador pôde passar o Ano Novo ao lado da família.

Veja o vídeo com o momento em que Anderson Silva sofre a fratura 

“E assim começo meu ano, agradecendo a todos pelo apoio e feliz por estar com a minha família reunida .…” escreveu Anderson ao publicar a foto.

O ortopedista do UFC Steven Sanders estimou de três a seis meses para a recuperação plena dos ossos da tíbia e fíbula de Anderson, fraturados na luta. O retorno do lutador aos treinos no tatame pode levar até nove meses.

 

Weidman vence Anderson e continua com o cinturão

A luta mais esperada do ano de 2013 – e uma das mais aguardadas da história do MMA – terminou mais rápido do que se imaginava, e de um jeito que ninguém gostaria que tivesse acontecido. Em um chute baixo aplicado nas pernas do americano a 1m16s do segundo round, Anderson Silvasofreu uma fratura na altura do tornozelo que o tirou da luta. A imagem foi fortíssima e chocou a todos no MGM Grand Garden Arena.

- Primeiro de tudo, gostaria de dizer que não importava o que acontecesse hoje, ele ainda é o melhor de todos os tempos. Ele merece muito que Deus o abençoe. Eu esperava que ele viesse chutar forte, e eles machucam muito mesmo. Não gostaria que ele se machucasse dessa maneira, mas isso é parte do esporte. A defesa desse chute é uma das coisas que eu vinha trabalhando no meu treino, mas é claro que não era o meu objetivo quebrar a sua perna. Agora quero relaxar um pouco, mas é claro que a luta contra Belfort será um grande combate – disse Weidman após a luta, enquanto Anderson Silva deixava o octógono de maca, indo direto para o hospital.

A luta

Após aparentar algum nervosismo antes de entrar no octógono, quando teve de ser lembrado por Mario Yamasaki para onde deveria ir, o brasileiro pareceu acalmar-se no momento em que a luta começou. O primeiro round começou com os dois lutadores se estudando e medindo a distância. Weidman buscou a derrubada, mas Anderson defendeu a queda e voltou a ficar de pé rapidamente, aplicando uma bela joelhada com as costas na grade. O campeão conseguiu uma boa sequência de golpes no solo após derrubar o brasileiro, mas o Spider conseguiu controlar o ímpeto do americano no chão, travando sua nuca. Weidman se livrou da posição e buscou uma chave cervical e golpes seguidos, que foram conectados, mas não causaram muitos danos. Por cima no chão, o americano buscava golpear sem parar, e Anderson também desferia golpes. Em clara vantagem, o campeão não dava espaço para que Anderson Silva se recuperasse e pudesse trabalhar. Após se levantar e acertar dois golpes duros no Spider, Weidman foi para o intervalo em vantagem clara na luta.

O segundo round trouxe Anderson com mais iniciativa e buscando a luta. Weidman mantinha a postura, e recebia chutes baixos do brasileiro. Ainda no começo do round, Anderson chutou com a perna esquerda e, no impacto contra a canela de Weidman, o brasileiro sofreu uma fratura exposta gravíssima, caindo imediatamente no solo, gritando muito e forçando o árbitro Herb Dean a encerrar a luta, diante do espanto de todos os presentes ao evento.

UFC 168: Hoje na tela do SporTV

Quase seis meses se passaram desde que Chris Weidman chocou o mundo ao derrubar Anderson Silva com um gancho de esquerda, acabando com o reinado de 2.457 dias do brasileiro na divisão dos pesos-médios do Ultimate. Neste sábado, os dois se reencontram no octógono montado novamente no MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas, para acabar com qualquer dúvida que restou de seu primeiro combate. O UFC 168 promete ser um momento definitivo na carreira dos dois atletas, e também do próprio UFC, como fica claro pelas palavras do presidente da companhia, Dana White.

– Ontem (quinta-feira) à noite, eu literalmente não consegui dormir de tão empolgado que estou com esta luta. Não estou mentindo. Há meses que temos grandes lutas, mas sempre estava na expectativa por esta – afirmou White em entrevista ao Combate.com nesta sexta.

O UFC 168 será realizado na noite deste sábado, no MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas (EUA). O canal Combate transmite o evento ao vivo a partir das 21h30m (de Brasília). A TV Globo transmite os principais duelos do evento, por força contratual, com atraso de 30 minutos.

UFC 168
28 de dezembro de 2013, em Las Vegas (EUA)

CARD PRINCIPAL
Chris Weidman x Anderson Silva
Ronda Rousey x Miesha Tate
Josh Barnett x Travis Browne
Jim Miller x Fabrício Morango
Dustin Poirier x Diego Brandão

CARD PRELIMINAR
Chris Leben x Uriah Hall
Gleison Tibau x Michael Johnson
Dennis Siver x Manny Gamburyan
John Howard x Siyar Bahadurzada
William Patolino x Bobby Voelker
Robbie Peralta x Estevan Payan

29/12/2013 03h28 - Atualizado em 29/12/2013 09h09

Anderson sofre fratura chocante em chute, e Weidman mantém cinturão

Brasileiro acerta rival com a perna esquerda, desaba no ato do golpe e sai
de maca do octógono. Campeão é declarado vencedor por nocaute técnico 

Um fim totalmente imprevisível e dramático na luta mais esperada do ano fez Anderson Silva continuar sem o cinturão do UFC. O brasileiro sofreu uma fratura chocante na perna esquerda ao aplicar um chute emChris Weidman no segundo round, foi ao chão na sequência e não pôde prosseguir no duelo. Sentindo muita dor, ele deixou o octógono de maca, com a perna imobilizada e foi direto para o hospital. O público que compareceu ao MGM Grand Garden Arena na noite deste sábado em Las Vegas (EUA) – madrugada de domingo no Brasil – demorou a entender o que havia acontecido e saiu da arena atônito. Declarado vencedor por nocaute técnico devido à lesão do oponente, Weidman manteve o título peso-médio (até 84kg) da organização. O americano, por sinal, estava bem até aquele momento e havia sido bem superior no primeiro assalto.

O episósio é um duro golpe para Anderson, que diferentemente do primeiro encontro, quando foi de fato nocauteado por Weidman após fingir que havia sido atingido, estava lutando de forma séria e sem fazer provocações. Foi a sexta derrota na carreira do atleta de 38 anos num total de 39 combates. Já Weidman, de 29 anos, aumentou seu cartel invicto para 11 triunfos.

 

O foco de Anderson era total desde o início. Ele parou na saída do vestiário, agachou-se e refletiu. Depois de muitos segundos, levantou-se e seguiu o caminho. A caminhada em frente ao público até o octógono teve aplausos e incentivos. Nenhum sorriso. As luzes se apagaram, e foi a vez de Weidman entrar. O americano carregou consigo a bandeira dos EUA e contou com um misto de aplausos e vaias. Era chegada a hora do combate, e a voz de Bruce Buffer deu o tom do momento.

A luta começou com Weidman tentando achar a distância e botando para baixo no single leg. Anderson se levantou rapidamente e ficou com as costas na grade, pressionado pelo rival. Os dois trocaram joelhadas no corpo, e Weidman acertou o rosto do Spider com uma bomba. O brasileiro sentiu, desequilibrou-se e caiu. O campeão aplicou boa sequência, mas foi travado. Por cima, Weidman soltou cotoveladas, mas também levou alguns socos de Anderson, que estava por baixo e golpeou com menos potência. Nesse momento, os fãs brasileiros e americanos faziam um duelo de gritos reverenciando seus países. Weidman ainda acertou uma cotovelada fortíssima no rosto do rival no fim.

No segundo round, ambos se defenderam bem nos primeiros ataques em pé. Weidman jogou um chute no corpo do adversário, e foi aí que o inesperado aconteceu. O Spider acertou um chute na perna do campeão e sofreu uma fratura chocante no ato do golpe. No chão, ele gritou, e o árbitro deu fim à luta quando o relógio marcava 1m16s. Anderson foi levado direto para o hospital parapassar por uma cirurgia no local.

UFC Combate hoje 25/05/13: Globo exibe lutas de Pezão e Cigano(Cain Velásquez e Antônio Pezão – Junior Cigano e Mark Hunt – , em Las Vegas. UFC 160

Cain Velásquez e Antônio Pezão vão se enfrentar novamente no UFC 160, e a Globo exibe a luta no sábado (Foto: Divulgação/UFC)Cain Velásquez e Antônio Pezão vão se enfrentar novamente no UFC 160, e a Globo exibe a luta no sábado

(Foto: Divulgação/UFC)
Na madrugada deste sábado, dia 25, para domingo, a Globo exibe as lutas do UFC 160, a partir da 1h30 (horário de Brasília), logo após o Altas Horas.

Com atraso mínimo de 30 minutos em relação ao evento, realizado do MGM Grand Garden Arena, em  Las Vegas (EUA), vão ao ar a disputa principal da noite, a revanche do brasileiroAntonio Pezão, que desafia o norte-americano Cain Velasquez pelo cinturão dos pesos pesados, e os desafios de dois brasileiros que lutam contra atletas da Nova Zelândia: Junior Cigano entra no octógono para enfrentar Mark Hunt, na categoria pesos pesados, eGlover Teixeira encara James Te Huna, no meio pesados. Sergio Mauricio comanda a narração da madrugada na Globo, com comentários de Minotauro.

Junior Cigano e Mark Hunt farão o co-evento principal do UFC 160, no dia 25 (Foto: Divulgação/UFC)

Junior Cigano e Mark Hunt farão o co-evento principal do UFC 160, no dia 25 (Foto: Divulgação/UFC)

A luta entre Cain Velásquez e Antônio Pezão vale o cinturão do peso-pesado. O americano defende o título. Mas o confronto entre Mark Hunt e Junior Cigano também é muito importante para a organização, já que o vencedor deverá ser o próximo desafiante ao título.

DIVULGAÇÃO REDE GLOBO 

CURTA O NTB NO FACEBOOK

http://www.facebook.com/ntb.noticiasdatvbrasil