Por onde anda a Maria Joaquina de Carrossel? Descubra

Quem não se lembra da garotinha loira, rica, bonita e arrogante em Carrossel? Filha de um renomado médico, Maria Joaquina era especialista em humilhar seus amigos, principalmente Cirilo, um menino pobre e inocente, que sofria em suas mãos.

A novela de sucesso da década de 90, que agora ganha a versão brasileira no SBT, conquistou uma legião de fãs. A turminha formada por Maria Joaquina, Cirilo, Laura, Kokimoto, Davi, Jaime Palilo, Valéria e tantos outros foi inspiração para muitas brincadeiras das crianças aqui no Brasil.

Vinte anos depois de sua primeira exibição no SBT, Ludwika Paleta, a pequena Maria Joaquina – agora com mais de 30 anos, segue sua carreira de atriz no México com diversas novelas e filmes no currículo.

Seu último papel na telinha foi como a protagonista Sol na telenovela Los Exitosos Pérez, produzida pela rede Televisa, na qual vive um romance com o personagem de Jaime Camil, ator já conhecido dos brasileiros por ter atuado em As Tontas Não Vão Ao Céu. Em 2011, a loira subiu aos palcos dos teatros em Un Dios Salvage.

Ao longo dos últimos anos, Ludwika Paleta estrelou várias novelas como Terminales, Palabra de Mujer, Duelo de Pasiones, Mujer de Madera e Niña… Amada Mía. Assim como no cinema, em cartaz com El Libro de Piedra, Propiedad Ajena, Polvo de Angel, Desafio, entre outros.

Em entrevista recente ao site mexicano Fórmula, a atriz assegurou estar em um grande momento. “Tenho um filho incrível, tenho trabalho, trabalho no que eu gosto. Tenho muitas coisas”, afirmou. O coração… também tem dono. Ela acaba de emplacar um romance com Emiliano Salinas, filho do ex-presidente Carlos Salinas.

A vida de Lídia Brondi longe da TV

 Lídia Brondi

Foto: Agency Brayan Celebrity

Em 1991, com o fim da novela das oito “Meu bem meu mal”, Lídia Brondi decidiu recomeçar. Hoje, aos 52 anos, ela vive longe dos holofotes em São Paulo. Formada em Psicologia, atende pacientes num consultório próprio. Além disso, a ex-atriz dá consultas gratuitas dentro do Programa de Atendimento a Vítimas de Violência e Estresse (Prove). Lídia atende pessoas que sofreram algum tipo de violência urbana. Sua vida atual é dedicada ao novo trabalho, com longas jornadas — dificilmente ela é encontrada em casa antes das 22h.

No bairro nobre do Itaim, onde vive ao lado do marido, o ator Cássio Gabus Mendes (o Kleber de “Insensato coração”), ela não é mais reconhecida nas ruas. Com eles, também vive Isadora, única filha da atriz, de seu casamento com o diretor Ricardo Waddington.

Lídia Brondi Lídia Brondi

Foto: Agency Brayan Celebrity

Em 2002, mais de dez anos depois de ter abandonado a televisão, Lídia Brondi foi aprovadada no vestibular de Psicologia da PUC de São Paulo.

Lídia Brondi Lídia Brondi

Foto: Agency Brayan Celebrity

A atriz voltou a ser lembrada com o sucesso da reprise da novela “Vale tudo” no Canal Viva. Na trama, exibida pela primeira vez em 1988, ela estava no auge da carreira, vivendo a estilosa jornalista Solange. Lídia não tem conseguido acompanhar todos os dias a trama, mas faz questão de gravar todos os capítulos em DVD.

Lídia Brondi com Cássio Gabus Mendes em 1988 Lídia Brondi com Cássio Gabus Mendes em 1988

Foto: Arquivo

Sua última aparição pública foi no carnaval de 2002, quando acompanhou Cássio num dos camarotes do Sambódromo. Desde então, Lídia não tinha sido mais vista.

Quando largou a TV, ainda com o status de protagonista na Globo, a ex-atriz sofria de Síndrome do Pânico e foi procurar tratamento, abrindo mão de uma carreira de sucesso. A decisão foi respeitada pela família e pelos amigos mais próximos.

Lídia Brondi, cujo talento poderá ser visto também na reprise da novela “Roque Santeiro”, a partir do dia 18, não dá mais entrevistas nem fala sobre sua antiga carreira.

Retratos da Vida