“Eu sou a Dulce”, diz Cássia Kiss

Cássia Kiss Magro

Sucesso com a Dulce, de Morde & Assopra, a atriz Cássia Kiss Magro (53) contou neste domingo, 24, no programa de Fausto Silva (61) na TV Globo que buscou na própria história, humilde, inspiração para compor a personagem. “Eu sou a Dulce. Me reconheço nela”, contou. Cássia participou do Arquivo Confidencial.

Os irmãos de Cassia, Dirceu e Ricardo Kiss, contaram que tiveram que trabalhar cedo para ajudar a família. A mãe, Piedade, falou da dificuldade em entender a carreira da filha, quando Cássia ainda era adolescente. “Ela chegava tarde, e eu não sabia o que era teatro. Então brigávamos muito, e um dia ela foi embora. Levou uma cama e um colchão, uma boneca e uma máquina de escrever”, disse a mãe, que pediu perdão para atriz. “Eu te perdoo, mãe, e eu sei que você também me perdoa”, respondeu Cássia.

A atriz lembrou dos dias difíceis que passou quando chegou ao Rio de Janeiro. “Tinha dias que não tinha o que comer. Eu vendia sanduíche na praia”, contou.

No quadro, os filhos Maria, Pedro Miguel, Pedro Gabriel e Joaquim também declaram o amor pela mãe. Cassia contou que a menina, aos 14 anos, ajuda a tomar conta dos menores. O marido, João, contou que o primeiro beijo do casal foi no Jardim Botânico, no Rio de Janeiro. “Todo mundo entra na fila da loteria e sonha em ganhar. Eu, sem entrar, fui presenteado. Ganhei uma coisa muito rara, um tesouro”, disse.

Caras

Paula Fernandes canta no Domingão

A mineira Paula Fernandes é natural de Sete Lagoas. Antes da fama, chegou a vender rapaduras na feira. Depois de perceber as aptidões artísticas da filha, a mãe da cantora deu forças para que a filha seguisse carreira, mesmo apesar de ter somente 12 anos. “Comecei a cantar aos 8, e aos 10 já gravei um vídeo. Me mudei para São Paulo com minha família, em busca de realizar o meu sonho”, relembrou Paula.

Em determinado momento de sua vida, Paula entrou em depressão e decidiu não cantar mais: “Foi muito sério, mas eu acredito que eu renasci das cinzas porque eu aprendi muito com isso”. Desiludida com a vida artística, ela chegou a cursar faculdade de geografia. “Sem dúvida, temos que encarar a depressão como uma oportunidade”, falou. “Hoje estou aqui para provar que estou bem e que dei a volta por cima”. Relembrando com saudosismo a época em que ela tocava pelos barzinhos de Belo Horizonte, Paula cantou “Tocando em Frente”.

No palco, Fausto Silva apontou as músicas de Paula que fizeram sucesso nas novelas. Uma delas, “Quando a Chuva Passar”, brilhou em “Escrito nas Estrelas”. “Complicada demais” foi outra música que Paula cantou que contagiou a plateia do Domingão. A cantora recebeu uma homenagem pelos 750.000 discos

Ronaldo participa do Arquivo Confidencial no Domingão do Faustão

O ex-jogador se emocionou com depoimentos de amigos, família e fãs

Neste domingo, dia 20, o Domingão do Faustão recebeu um dos maiores jogadores da história do futebol: Ronaldo. Destaque no Brasil e no mundo na última semana ao anunciar o fim de sua carreira no futebol, o ‘Fenômeno’ foi homenageado no quadro Arquivo Confidencial do programa da Rede Globo.

Ronaldo é homenageado no Domingão do Faustão (Foto: TV Globo/ Zé Paulo Cardeal)Ronaldo é homenageado no Domingão do Faustão (Foto: TV Globo/ Zé Paulo Cardeal)

Aclamado pela plateia do programa, o ex-jogador se emocionou com depoimentos de amigos de infância, de alguns ídolos do mundo esportivo como Pelé, Luis Figo, Lionel Messi e o tenista Rafael Nadal, além de artistas como Glória Pires, Paola Oliveira e Alexandre Borges.

Ronaldo (Foto: TV Globo/ Zé Paulo Cardeal)
Ronaldo com os filhos Alex e Ronald
(Foto: TV Globo/ Zé Paulo Cardeal)

- Essa foi a decisão mais dura e mais difícil que tive que tomar em toda a minha vida. Não tenho palavras para agradecer o carinho de todos. Foram 18 anos jogando, sempre com muito amor e paixão, mas agora estou me preparando para fazer outras coisas. Prometo não ser um aposentado chato – declarou Ronaldo ao apresentador Fausto Silva.

Maior artilheiro de todas as Copas, com mais de 40 gols, e destaque em países como Itália e Espanha, Ronaldo também recebeu elogios do comentarista Galvão Bueno, do amigo Vampeta e de sua família. Os filhos Ronald e Alex estiveram no palco em uma brincadeira ‘entrevistando’ o pai.

- Quantos filhos você pensou que ia ter? – brincou o primogênito.